segunda-feira, 9 de julho de 2012

A pedra, o ocaso e o Amor





Carrega meu mundo nas costas
Minhalma em teu peito
Mochila cheia
Estrada a fora...
Estrados:
Sóis e lençóis
Meu lado ao lado do teu
Te ter paisagem:
De cima da pedra
Adentramos o mundo...
Meu sobressalto sobre o teu parapeito
E paro nele:
Me deparo em você:
Mil pores do sol para sempre, Amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário