sábado, 24 de setembro de 2011

Cor-de-rosa



Rodovias choram -
Pintaram um céu com
Gás lacrimogênio


(Haikai número 3)

Cinza



Te rio fútil
Na lágrima de ver
(A) mar (go).


(Haikai número 2)

Vermelho



Imprimi na folha
Que caiu da macieira
Canaletas da vida


(Haikai número 1)

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

domingo, 18 de setembro de 2011

Saudade



Quero um tanto de amor
e um pouco de nada

Letargia


Com a pressa vem a vida calma de uma vida inteira. O riso certo de incerteza quanto ao minuto que irá seguir. Morre sem saber o que virá depois. Saudade de uma vida inteira que vem calma. A incerteza do riso certo de quem vê partir o minuto adiante... Morre dela sem saber se ele virá depois...